Mudando o foco na LIDER

O Laticínio Nova Esperança do Paraná, dono da marca Leite Líder,
resolveu mudar de foco para aumentar sua rentabilidade. A família Stuani
entregou a condução da reestruturação à consultoria Galeazzi & Associados.
Desde o fim de 2001, a redução de custos foi severa: 25% dos funcionários
(150) foram demitidos. O caminho escolhido para crescer é semelhante ao
percorrido por outros laticínios brasileiros: não depender tanto da
fabricação de longa vida - produto em que a disputa é ferrenha entre
companhias grandes ou regionais - e mudar o foco para lácteos de maior
valor agregado. Uma das principais iniciativas para a mudança é a reforma
e ampliação da fábrica de Nova Esperança, PR, na qual haverá aporte de R$
1,5 milhão. A unidade produzirá bebidas lácteas, requeijão e queijos. "A
idéia não é abandonar o leite longa vida, mas depender cada vez menos
dele", afirma José Assumpção Bucci Casari, consultor da Galeazzi e hoje
principal executivo da Líder. Os mercados mais importantes para a empresa
continuarão a ser São Paulo, Paraná e Santa Catarina. A captação de leite
deverá continuar em torno de 600 mil litros por dia, mas a meta é fazer
com que o faturamento médio mensal cresça de R$ 15 milhões para R$ 19
milhões, diz Casari. Durante muito tempo, a Leite Líder esteve nas listas
de especulações sobre possíveis aquisições de estrangeiros no mercado
nacional. Chegou a contratar a PricewaterhouseCoopers para buscar um sócio
em 2000. Os rumores do mercado apontava como principais interessadas
empresas argentinas, agora em crise. "No momento, as negociações estão
paradas", afirma Casari.

Fonte: Valor Economico

Publicada em quarta-feira, 24 de julho de 2002



Clique em alguma Notícia para saber mais:
Danone promove educação nutricional em escolas de 23 estados
Ligeira alta no mercado internacional de lácteos
Leites mais gordurosos evitam o diabetes 2
Encontro estadual reúne profissionais de laticínios
Cadeia produtiva do leite de MT tem encontro marcado, na próxima semana, em Cuiabá
Uma aposta bilionária
Ministério da Agricultura interdita empresa suspeita de adulterar leite
Nestlé e Honda são as empresas com melhor reputação no país
Quatro motivos saudáveis que vão te fazer amar o iorgurte
Embargo Russo: é necessário cautela para o mercado de carnes e leite, aponta IEA
Polícia Rodoviária intercepta 500 kg de queijo irregular vindo de MS
Consumidores brasileiros aumentaram o consumo de produtos lácteos
Modelo de miniusina de leite gera receita e agrega na economia do agronegócio
Consumo de iogurtes quadruplicou no país na última década
FESTLEITE: Quixeramobim bate próprio recorde e produz queijo com 1.302,88 kg
Comer queijo pode ajudar a evitar a cárie dental
Interessado em participar do leilão da Nilza já pode entregar proposta
Concurso escolhe melhor queijo frescal produzido na região de MG
Advogado de empresa suspeita de adulterar leite em SC nega acusações
MP pede bloqueio de bens e multa a transportadora de leite no RS
Oito suspeitos de adulterar leite são presos novamente em Santa Catarina
Preço do leite pago ao produtor de MT sobe quase 1% em julho, diz Imea
Operação contra fraude no leite prende três no RS
Receita da Lactalis deve somar R$ 3,5 bi no país
PIRACANJUBA MARCA PRESENÇA NA 4ª CORRIDA DE PREVENÇÃO DO CÂNCER DE MAMA, EM GOIÂNIA
LATICÍNIO PARA ARRENDAMENTO
FCB Brasil assina campanha para relançar CHAMBINHO®, o coraçãozinho da Nestlé
DuPont Nutrição & Saúde apresenta solução para o mercado brasileiro de lácteos
Secretaria recebe bens de empresa investigada por fraude no leite no RS
Capacitação de técnicos irá incrementar produção de leite em Alagoas



Para ver um histórico com todas as notícias, clique aqui.



















  












  [ Votar ]
  [ Resultado ]

LATICINIO.NET - www.laticinio.net - laticinio@laticinio.net
Rua Dr. Ávila, 25 / 302 - Paineiras - Juiz de Fora - MG - CEP 36016-100
Telefone: (32) 9928-2478
Developed by