Produtores reclamam pagamento de leite fornecido à Copervale


Fernanda Borges

Alguns produtores pretendem continuar acampados na porta da Copervale até a garantia de pagamento


Ontem, cerca de 15 produtores rurais de Uberaba e região que fornecem leite à Cooperativa Agropecuária do Vale do Rio Grande (Copervale) iniciaram protesto na porta da entidade após ser informados de que não receberiam pela produção de dezembro/2013. Alguns deles decidiram acampar na porta da cooperativa ou retornar hoje para exigir uma solução definitiva para a situação.

De acordo com a produtora Maria Aparecida Cavecchia, ela espera receber R$16 mil pelo fornecimento de cerca de 700 litros de leite no mês de dezembro, porém ela afirma que há outros produtores rurais que estão há três meses sem receber, mesmo depois de entregarem entre mil e 1.500 litros por mês à cooperativa. Por isso, ela afirma que alguns produtores já entraram com processo no Juizado de Pequenas Causas, enquanto outros pretendem continuar acampados na porta da Copervale até a garantia de alguma solução rápida para a falta de pagamento.

Vale lembrar que, em abril de 2008, a cooperativa foi alvo de ação do Ministério Público Federal que denunciava escândalo da adulteração do leite com substâncias nocivas à saúde humana, que serviam para aumentar o volume do produto, prolongar a validade e mascarar problemas de qualidade. Em 2013, a Copervale entrou com ação de recuperação judicial no Fórum Melo Viana, cujo processo foi ajuizado em novembro junto à Vara Empresarial, Execuções Fiscais de Títulos e de Registros Públicos. Maria Aparecida afirma que, ao procurar uma resposta para a falta do pagamento, foi informada de que há uma reunião agendada para o próximo dia 27 para que a diretoria ou os responsáveis possam decidir quando irão pagar os produtores.

Segundo posicionamento de um dos diretores da cooperativa, conforme o que pôde acompanhar informalmente nos últimos 30 dias, já que não há mais reunião entre diretores, os salários dos funcionários estão em dia, mas supermercados da cooperativa foram fechados em Uberaba e Campo Florido, a fábrica de ração também não está mais funcionando, enquanto a farmácia e o posto atendem com dificuldade. Ainda de acordo com o diretor, que preferiu não se identificar, a Copervale vem trabalhando com baixa produção por falta de capital. Em razão do pedido de recuperação judicial, foi nomeado um interventor para negociar com os bancos, mas não há troca de informações com os demais setores, departamentos e diretores da entidade.

A redação do Jornal da Manhã tentou por diversas vezes o contato telefônico com o presidente da cooperativa, Luiz Gualberto Ribeiro Ferreira, mas ele não atendeu às ligações e também não deu retorno.

Fonte: JM online

Publicada em terça-feira, 21 de janeiro de 2014



Clique em alguma Notícia para saber mais:
Servidores federais são afastados por fraude em leite
PF descobre funcionários federais que encobriam fraude do leite no RS
IMA identifica a região de Alagoa como produtora de Queijo tipo Parmesão no Modo Artesanal
Alberto Pinto Coelho assina decreto para o fortalecimento da produção leiteira em MG
Importação de lácteos pelo Brasil caiu em novembro
Oferta sobe e preço do leite cai
Iogurtes gregos não passam em teste de rotulagem
Alckmin assina decreto que desonera indústria do leite
Aliança Láctea Sul Brasileira apresenta ações para melhoria da cadeia produtiva do leite
Tate & Lyle e Gemacom Tech criam uma nova Joint Venture no Brasil
MP denuncia 22 na sétima fase da Operação Leite Compen$ado no RS
Captação e aquisição de leite cresce 8,1% em comparação a trimestre passado
Com selo definitivo, queijo da Canastra agora é marca
Justiça bloqueia bens da Laticínios Mondaí e dos sócios
Setor lácteo precisa melhorar gestão
Pequenos e médios produtores discutem soluções para o leite
Expectativas para o mercado de leite
Litro do leite integral tem queda de 6,16% ao consumidor em novembro em média
Após nova fraude, produtores do RS têm dificuldades para vender leite
Rússia abriu o mercado lácteo para o Brasil; empresas estão à espera
Queijo tombado como Patrimônio Imaterial Brasileiro vira marca em MG
CE: Produtores de leite querem proteção contra concorrência
8 erros de gestão fatais para sua empresa
A ciência contra o prazer. Ou: o fim do ritual de lamber a tampinha do iogurte
MP apura empresas de SC suspeitas de envolvimento no leite adulterado
Coca-Cola deve lançar globalmente em 2015 marca própria de leite
Nestlé apresenta iogurte grego para uso culinário
BRF celebra venda da divisão de lácteos com Lactalis
Preço dos lácteos segue em queda no atacado
Preço dos lácteos segue em queda no atacado



Para ver um histórico com todas as notícias, clique aqui.



















  




Em sua opinião, qual seria o melhor presidente para o agronegócio do leite?

Aécio Neves

Dilma Rousseff

Nao sei

  [ Votar ]
  [ Resultado ]

LATICINIO.NET - www.laticinio.net - laticinio@laticinio.net
Rua Dr. Ávila, 25 / 302 - Paineiras - Juiz de Fora - MG - CEP 36016-100
Telefone: (32) 9928-2478
Developed by