Fiscais voltam a laticínio suspeito de misturar água no leite

Primeiro laudo apontou que produto distribuído pela Nova Mix estava adulterado
20/06/2011 - 11:29

Da redação
Quatro fiscais do Ministério da Agricultura voltarão a vistoriar, na tarde desta segunda-feira (20), o laticínio da Nova Mix, em Campo Belo. De acordo com a Polícia Federal, a empresa é suspeita de misturar água no leite vendido. O resultado da análise das amostras recolhidas deve sair em duas semanas. Caso seja comprovada alguma adulteração, o laticínio pode ser interditado. A Vigilância Sanitária da cidade disse não ter tomado medidas porque aguarda um posicionamento da Superintendência Regional de Saúde.

“Ouro Branco Dois”

Os agentes vistoriaram o laticínio na última sexta-feira (17), na operação batizada de “Ouro Branco Dois”. Segundo a Polícia Federal, um laudo apontou que o leite longa vida distribuído pela Nova Mix estava adulterado. A primeira operação "Ouro Branco", que aconteceu em outubro de 2007, prendeu diretores e recolheu produtos do mercado de duas cooperativas de Minas Gerais: a Casmil, de Passos e a Coopervale, de Uberaba, no Triângulo Mineiro.

Posição

Em nota oficial, a Nova Mix informou que não há evidências de adulteração no produto. O diretor comercial da empresa, Mauricio Cardoso Franco, garante que o leite produzido tem qualidade. Houve uma orientação da própria empresa para que as vendas sejam interrompidas até a chegada dos fiscais.

Fonte: eptv.globo.com

Publicada em segunda-feira, 20 de junho de 2011



Clique em alguma Notícia para saber mais:
Danone estaria estudando venda de participação na Yakult
A nova bebida da Coca-Cola é… leite
Gorgonzola: lei e tradição protegem a origem do queijo italiano
Produtores de leite aguardam pagamento de R$ 20 milhões de indústrias
Nestlé: A número um do mundo em laticínios que espera crescer 5% em 2014, apesar do ambiente desafiador
Setor de lácteos tem grande potencial de crescimento
Fusão de técnicas amplia vida útil de leite pasteurizado
Ajuizada ação de pequenos produtores contra Laticínios Mondaí
Yili investe RMB 3 bilhões na Nova Zelândia para construir a maior base integrada de produção de laticínios do mundo
Revogada prisão de investigado em esquema de fraude no leite no RS
Consumidores denunciam possível adulteração em lote de leite na capital
Setor produtivo e governo discutem atualização de normas para produtos lácteos
Fiscalização pode ser comprometida, diz IMA
Tetra Pak publica guia para garantir a qualidade do leite cru na produção UHT
Rússia habilita 3 exportadores brasileiros de queijo
Produtores de leite do noroeste paulista reclamam de preço baixo
Produtores de leite tentam receber dinheiro de indústrias
Vigor Alimentos deixará o Novo Mercado da BM&FBovespa
Cândido Tostes abre inscrições para processo seletivo
Qualidade do leite brasileiro é péssima
Senado obriga rótulos de alimentos indicarem presença de lactose
Exportações de lácteos aumentaram em outubro
Laticínios em compasso de espera
Porto Alegre investe até R$ 25 mi em Minas
Aumento de oferta causa reflexos no preço pago pelo litro de leite em MG
Laticínios Mondaí encerra atividades e confirma possibilidade de venda
BEBIDA LÁCTEA PIRAKIDS ZERO LACTOSE É ELEITA O “LANÇAMENTO DO ANO 2014” PELA ABRAS
Pecuária brasileira precisa avançar em uso de tecnologia
Leite: Variação do câmbio deve interferir no agronecócio em 2015
DuPont Nutrição & Saúde adota medidas importantes para a sustentabilidade dos emulsificantes



Para ver um histórico com todas as notícias, clique aqui.



















  




Em sua opinião, qual seria o melhor presidente para o agronegócio do leite?

Aécio Neves

Dilma Rousseff

Nao sei

  [ Votar ]
  [ Resultado ]

LATICINIO.NET - www.laticinio.net - laticinio@laticinio.net
Rua Dr. Ávila, 25 / 302 - Paineiras - Juiz de Fora - MG - CEP 36016-100
Telefone: (32) 9928-2478
Developed by